A questão da empregabilidade - Unifacp - Centro Universitário de Paulínía

A questão da empregabilidade

Carta aos alunos e docentes
Carta aos alunos e docentes
22/02/2021
Definições para aulas remotas
04/03/2021
A questão da empregabilidade

É o conceito que se estabelece para os profissionais, empregados ou não, a obrigatória preocupação no sentido maior de se manterem permanentemente atualizados e empregáveis, diante das exigências de formação, em face das habilidades, especializações e talentos que o mercado de trabalho requer.

Nos negócios e na indústria, os trabalhadores devem dar em retorno muito mais do que custam em salários e benefícios, pois em caso contrário, a empresa acabará falindo e ninguém terá mais emprego.

Dentro dessa linha de pensamento entende-se que as alternativas necessárias para o posicionamento dos profissionais no mercado de trabalho, em atendimento ao grau de exigibilidade de critérios, posturas, atitudes e comportamentos que o mercado de trabalho espera, devem ser rigorosamente analisadas, revistas e rapidamente adotadas.

Acredita-se que o profissional, empregado ou não, deve refletir sobre:

  • Sua atualização;
  • Apresentação pessoal
  • Comunicação;
  • Agilidade;
  • Flexibilidade;
  • Proatividade;
  • Capacitação acadêmica;
  • Conhecimentos da tecnologia;
  • Relacionamentos interpessoais;
  • Produtividade e Qualidade de seus trabalhos, etc.

bem como manter o seu curriculum vitae devidamente atualizado e bem elaborado, para uma participação com muita eficiência e eficácia nos processos de recrutamento e seleção de pessoal.

O profissional deve, obrigatoriamente, rever seus conceitos, valorizando seus pontos fortes e reformulando outros classificados como mais fracos, seja através do estudo de sua aplicabilidade, ou aperfeiçoando-se, visando a otimização de seu nível de empregabilidade.

Assim, é possível afirmar o quanto é importante que todos os profissionais estejam atentos para o que as organizações esperam de seus empregados, trabalhando intensamente para atingir o nível esperado e adequando-se à realidade de sua empresa e do mercado de trabalho, demonstrando:

  • O orgulho de sua contribuição social;
  • O orgulho pelo seu trabalho;
  • O orgulho pelas suas lideranças;
  • Que se sintam integrados socialmente e que fundamentalmente,
  • Sintam prazer em trabalhar.

Sempre haverá tempo para mudanças comportamentais e melhoria das competências pessoais. O profissional deve investir muito mais em si próprio. A empregabilidade começa pela própria pessoa. Agora é o momento. O seu momento!

+ posts

Prof. Me. Pedro Carlos de Carvalho
Cursos de:
Gestão Financeira
Gestão da Qualidade
Gestão de Recursos Humanos e
Pedagogia
Fev/2021

VESTIBULAR - INSCREVA-SE
×

Powered by WhatsApp Chat

× Como posso te ajudar?